O Festival Walk&Talk regressa de 14 a 29 de julho para a sétima edição na ilha de São Miguel, com segunda passagem pela ilha Terceira entre 29 de setembro e 6 de outubro.

De vocação experimental, o Walk&Talk privilegia a apresentação de projetos inéditos, criados a partir do contexto cultural e geográfico específico dos Açores, que em 2017 vão envolver a participação de mais de sete dezenas de artistas, coletivos, peritos e os cinco vencedores dos Open Call Jovens Criadores, Open Call for Projects, Open Call for Journalists, três chamadas à participação no festival que no seu total receberam 101 candidaturas.

Presenças confirmadas no cartaz e programa do Festival Walk&Talk 2017: Diana Marincu na curadoria da exposição coletiva na Galeria Walk&Talk; a bailarina e coreografa Vânia Rovisco em residência de criação em artes performativas; a DJ e editora Sonja na curadoria do programa de música; o designer Miguel Flor a coordenar pelo quarto ano consecutivo a residência de artesanato. O Programa de artes visuais integra exposições individuais de Carla Cabanas, João Paulo Serafim e Sandra Rocha na Galeria Fonseca Macedo. Em residências de criação estarão Francisca Manuel, Gonçalo Preto, Maya Saravia e Pauliana Valente Pimentel. Os artistas convidados para o Circuito de Arte Pública com cocuradoria dos KWY, são Akane Moriyama, Atelier JQTS, Benandsebastian, Marc Clintberg, Ricardo Jacinto, Russell Maltz, Spy, Teresa Braula Reis e Tomaz Hipólito, aos quais se vão juntar os dois vencedores do Open Call for Projects.