Paulo de Carvalho

A 6ª edição do “EDP – Música no Rio, os outros sons do Fluviário” tem lugar nos fins-de-semana de 10 e 11 e de 17 e 18 de Julho com um cartaz que apresenta Sinfonieta de Lisboa, Quinteto de Guitarras de Lisboa, Melech Mechaya, António Chainho e Amigos e Paulo de Carvalho.

Sinfonietta de Lisboa e o Quinteto de Guitarras de Lisboa abrem o festival, na sexta-feira, 10 de Julho, para no dia seguinte actuarem os Melech Mechaya, um quinteto português de música Klezmer, de inspiração judaica.

No fim de semana seguinte, a 17 de Julho, palco para António Chainho e os Amigos e, no sábado, 18 de Julho, é a vez de Paulo de Carvalho, nome que dispensa qualquer apresentação.

Bilhetes a um euro e espectáculos às 21h30
O Festival “Música no Rio” acontece num cenário idílico, onde a água e os sons da natureza são factores diferenciadores, juntamente com música portuguesa de qualidade e diversificada. O evento pretende oferecer momentos de pura tranquilidade num contexto cultural, paisagístico e inovador, como é o espaço envolvente ao Fluviário de Mora.

Numa organização da edilidade local, o evento integra quatro temáticas diferentes – fado, jazz, clássico e música popular de qualidade – apostando numa oferta de prestígio e cuja programação não atraia um público massivo, mas criterioso.

O evento promove anualmente um ciclo de concertos de música portuguesa que, em dois fins-de-semana de Julho, animam Mora, tornando-a, aos poucos, uma referência dos Festivais de Verão.