indice

“Sodade, Meu Bem Sodade”, o emblemático tema de Zé do Norte a percorrer longos caminhos, salta agora das memórias de infância de Bonga, para as cordas da guitarra portuguesa. Entre o berço do fado onde viveu Severa, e por vielas da Mouraria, Bonga entoou “Sodade, Meu Bem Sodade”, como se debruasse a tela do tempo com a voz mais rouca e enternecida pelos longínquos recados!