Atualidade

Cantora Maria João relata acidente na autoestrada

Os últimos dias para Maria João Grancha não têm sido fáceis. A cantora de Jazz de 61 anos, teve um acidente com o seu carro à entrada da A5, a autoestrada que liga a capital a Cascais, após ter ido a Lisboa com o seu Jeremias, um cão da raça ‘Leão da Rodésia’, a um médico veterinário especialista em oncologia.

“Embalo no começo da A5, ale hop e de repente BUUUUUMM! ai que … épá explodiu um pneu” começa por descrever a antiga diretora da ‘Operação Triunfo” da RTP, sem deixar de mandar ‘farpas’ a um carro de patrulha da Polícia de Segurança Pública (PSP) que passara momentos depois do sucedido sem prestar auxilio à companheira do pianista Mário Laginha. “Um carro de polícia passa por nós, o polícia olha com ar blasé para o meu pneu e aos esses e não pára nem nada, sim senhor, senhor polícia, good job”, desabafa.

Mas as peripécias não ficaram por aqui.

Após ter conseguido parar o seu Audi TT numa paragem de autocarro junto da saída ‘Amadora-Sintra’, chamou a assistência em viagem, mas, segundo a própria, não foi auxiliada de forma célere. “Lá parei numa paragem de autocarro, liguei para a assistência em viagem e aí começou o nosso calvário. Oh céus mas é preciso esperar pelo reboque 3 horas, é?” lamentou Maria João, sendo a sua única preocupação o cão.

A história pela partilhada pela artista na passada quinta-feira, na sua página de Facebook, contado com vários ‘gostos’ e algumas mensagens de apoio por parte dos seguidores.