Moda

Dolce & Gabbana assume boicote por vestirem Melania Trump

A marca italiana é a prova que não ligam ao que dizem sobre si e que “se não os podes vencer, junta-te a eles”. Isto em relação aos haters que continuam a pedir o boicote da Dolce & Gabbana só porque a Primeira-Dama dos EUA usa roupas da maison.

Quando Melania Trump esteve em Itália, no âmbito da reunião dos G7, usou um casaco multicolor da dupla de estilistas que deu muito que falar por custar 51 mil dólares.

Já quando a mulher de Donald Trump se mudou para a Casa Branca, voltou a usar um look Dolce & Gabbana.

@flotus ❤️❤️❤️❤️❤️❤️ #DGWoman ❤️❤️❤️ THANK YOU 🇺🇸🇮🇹

Uma publicação partilhada por stefanogabbana (@stefanogabbana) a

Pois fartos de boicotes, Stefano e Domenico decidiram criar uma t-shirt onde assumem isso tudo. É uma peça de roupa branca, simples, com a hashtag #boycott, o nome da maison e um coração vermelho, como que em género de provocação aos haters.

A t-shirt está à venda no site da marca, existe tanto para elas como para eles, e custa 175 euros. Ou seja, até aqui os designers conseguiram sair por cima nesta história.

Fotos: Instagram