Atualidade

Cristiano Ronaldo volta a ser alvo de cyberbullying

De vez em quando surgem rumores na imprensa a questionar a sexualidade do jogador do Real Madrid, além deste ser gozado por muitos seguidores das redes sociais. E desta vez Cristiano Ronaldo voltou a ser criticado na web.

Tudo porque publicou uma fotografia onde aparece de mãos dadas com o colega de equipa Benzema. E se alguns fãs salientaram a importância de Ronaldo na vitória do Real Madrid frente ao Athletic Bilbao com duas assistências, no jogo deste sábado, outros partiram para o ‘cyberbullying’.

“👌”, escreveu apenas Cristiano na legenda da imagem que pôs nas redes sociais.

Cristiano Ronaldo e Benzema de mãos dadas

“Gay” e “boiola” foram apenas alguns dos comentários nada simpáticos que o craque recebeu.

Passado de Georgina Rodríguez divulgado
Se tal não fosse suficiente, que dizer da namorada que viu a imprensa ‘vasculhar’ a história da sua família? Soube-se agora que a modelo espanhola, de 23 anos, é filha de um antigo treinador de futebol argentino que abandonou a mulher e as filhas em crianças.

O pai de Georgina, Jorge Gorjón, chegou a Espanha em 1984. Tinha sido futebolista nas divisões secundárias da sua terra, Avellaneda e, ao chegar à Europa, tornou-se treinador do Jacetano, uma equipa da Primeira Divisão Regional de Aragão.

Apaixonou-se por Ana Maria Hernández, com quem teve Georgina e outra filha, Ivana. Só que não conseguiu vingar no mundo do futebol e desapareceu, deixando a mulher e as filhas.

Segundo apurou o jornal espanhol ‘El Mundo’, o desaparecimento súbito de “Menotti” “gerou todo o tipo de especulações em Jaca”. Em 2006 regressou para os braços da família, que o aceitou de volta. No entanto, a crise financeira que atravessavam e o fim do casamento, levou-os ao afastamento definitivo.

Gorjón regressou à Argentina. A mãe, de quem pouco se continua a saber, vive em Itália. As filhas ficaram entregues à sua sorte e Georgina acabou por emigrar para Inglaterra onde foi ama. Depois tentou a sua sorte em Madrid e apaixonou-se por Cristiano Ronaldo.